Como fazer uma mudança organizada? 7 dicas imperdíveis!

Marca CredPago

Blog

Aluguel17/11/2020

7 dicas de como fazer sua mudança de forma organizada e eficiente

Buscar por um novo imóvel (seja casa ou apartamento) faz com que a gente passe por muitos processos. Depois de fazer uma pesquisa detalhada para encontrar o local que melhor atenda às necessidades e de entender todas as fases burocráticas envolvidas nesse negócio, chegou o momento de conhecer as principais dicas de mudança para que ela seja feita de forma organizada e eficiente.

Com um bom planejamento e também adotando algumas sugestões práticas, pode ter certeza que tudo ocorrerá dentro do previsto, sem problemas e nem mesmo estresse para você e sua família. Pensando nisso, elaboramos este material para que você fique por dentro de quais são essas dicas. Continue a leitura e saiba mais!

1. Organize o empacotamento

Essa é uma das principais etapas no processo de mudança, mas também a mais demorada (e talvez a mais cansativa). É preciso organizar o empacotamento de todos os seus objetos, desde os mais resistentes até aos mais frágeis. O ideal é que você separe essas duas categorias, de modo que a pessoa que faça o transporte tenha cuidados especiais com aqueles itens que possam quebrar com mais facilidade.

Além disso, esse processo merece uma atenção especial para otimizar o seu tempo quando for organizar as coisas na casa nova — por essa razão, adquira muitas caixas de papelão para que possa guardar os seus materiais!

E não deixe de praticar o desapego! Muitas vezes, somente nas mudanças que identificamos objetos que não mais precisamos e nem sequer lembrávamos que tínhamos. Seja roupa, seja materiais de cozinha, doe aquilo que não tenha mais utilidade para o seu dia a dia. Além de facilitar a mudança, também contribuirá para que esses materiais sejam usados por quem realmente precisa.

2. Identifique as caixas

De nada adianta ter um processo de empacotamento eficaz se você não identificar as caixas, concorda? Afinal, a primeira etapa tem como objetivo justamente facilitar o seu trabalho no momento que chegar na casa nova. Nesse sentido, deixe os pacotes separados por áreas. Exemplo: cozinha, sala, quarto, etc. Faça também subcategorias: pratos, talheres, taças, copos, entre outros. Assim, você facilmente vai encontrar os objetos no momento de guardá-los.

Uma outra dica simples a ser utilizada também nas caixas é a de colocar alças. Além de trazer mais segurança na usabilidade e no transporte, também trará mais praticidade no deslocamento, principalmente nas mais pesadas.

3. Meça os móveis

Certamente você já conhece cada ponto de sua casa nova, não é verdade? Afinal, foram tantas visitas (em alguns casos foram feitas até mesmo obras) até que tudo estivesse fechado para que você pudesse usufruir de seu novo lar. No entanto, não deixe de medir os principais pontos de seu imóvel e também os seus móveis, com o objetivo de identificar anteriormente onde cada objeto vai ficar.

Outro ponto importante é ter o entendimento sobre as entradas do imóvel. Assim que contatar uma empresa de transporte, já passe essas medidas para que eles utilizem da experiência para identificar se vai haver a necessidade de desmontar alguns aparelhos ou não.

4. Busque por uma empresa de transportes

Por falar na empresa de transportes, é preciso ter um cuidado especial ao contratar um fornecedor como esse. Para a escolha efetiva, algumas sugestões devem ser consideradas.

A primeira delas é a busca por referências. Pergunte a amigos e familiares se eles conhecem alguma empresa confiável, além de conferir o que outras pessoas têm a dizer sobre o negócio nas redes sociais. Hoje, os clientes estão muito mais exigentes, deixando suas percepções nos canais de comunicação da empresa e também em sites próprios para isso, como o Reclame Aqui.

Não deixe de fazer diferentes orçamentos, visando encontrar aquela com um bom custo-benefício. Outro ponto importante é a conferência legal da empresa: antes de contratar, sempre confira se ela está autorizada a realizar esse tipo de serviço. Por fim, tudo o que for acordado registre em contrato, com o objetivo de resguardar ambas as partes de que os principais tópicos tratados entre empresa e cliente serão cumpridos.

5. Solicite o desligamento dos serviços

Dicas de mudanças não estão relacionadas apenas ao deslocamento entre a casa antiga e a casa nova. Algumas questões burocráticas também merecem a sua atenção, como o desligamento de serviços. Internet, água, luz, telefone, etc. Tudo o que você tiver contratado, é preciso entrar em contato para cancelar ou até mesmo para que haja a alteração do endereço de cobrança.

No caso da internet, certamente um técnico precisará ir até o seu novo imóvel fazer a ligação. Por isso, planeje com antecedência e marque com a sua operadora na mesma data que os móveis forem levados até lá. Assim, não há os riscos de você e sua família ficarem sem conexão por nenhum dia sequer.

6. Faça um check no antigo apartamento

Voltar ao antigo apartamentoantes de trancá-lo e entregar as chaves é essencial para que você faça um check de que nada ficou para trás, bem como avalie o estado do imóvel que você está entregando para o proprietário (no caso de aluguel) ou para o novo morador.

Além de evitar que deixe algumas bagagens ou itens importantes para trás, você pode até mesmo ter um momento de nostalgia de passar alguns últimos minutos dentro do imóvel que lhe serviu por algum tempo.

7. Desempacote aos poucos

Tudo pronto para a mudança, deslocamento feito. Chegou o momento de desempacotar os seus objetos. Aqui, o ideal é que seja feito com muita calma e cuidado. Assim, evita que haja perdas de materiais, principalmente os mais frágeis.

Da mesma forma que você os organizou por categorias, na chegada você também pode retirá-los das caixas de acordo com o cômodo. Para não ficar muito cansativo, conte com o apoio de amigos e familiares, além de fazer a organização inicial apenas dos cômodos que mais tragam necessidades para esse primeiro momento (cozinha, por exemplo).

Neste conteúdo, você pôde entender um pouco mais sobre dicas de mudança a serem aplicadas no momento da troca de um imóvel. Conforme observado, alguns cuidados são essenciais para esse processo, como o fato de você contar com profissionais capacitados para o transporte, bem como a necessidade de empacotar com muita atenção os objetos para que tudo ocorra dentro do planejado e sem prejuízos.

Gostou das dicas apresentadas? Para ficar por dentro de outras novidades e conteúdos como esse, siga nossas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn, TwittereYouTube.


Compartilhar
Facebook Google Plus Twitter Linkedin
Encontre uma imobiliária
CredPago
Escrito por
CredPago

A Revolução em locação imobiliária.


Mais de 6 mil imobiliárias parceiras
Pin
Encontre uma próxima de você


0800 001 6002

Atendimento digital
47 99936-0198



Parceiros

  • Captei
  • Colibri
  • Endeavour
  • Cartões
  • Vista
  • Universal
  • Casa Soft

Queremos garantir a melhor navegação e personalizar sua experiência no nosso site. Por isso, coletamos informações pessoais de preferências e interesses por meio de cookies e outras tecnologias semelhantes. Entenda como usamos os dados armazenados na nossa Política de Cookies.

Faça login em sua conta


Esqueci minha senha!