Coronavírus: quais são medidas tomadas por grandes empresas

Marca CredPago

Blog

06/04/2020

Coronavírus: quais são medidas tomadas por grandes empresas

Diante da crise gerada pela pandemia do Coronavírus, muitas empresas tomaram medidas com o objetivo de ajudar pessoas afetadas financeiramente. Dentre elas, estão bancos e empresas do setor imobiliário. Listamos nesse post algumas das ações colocadas em prática.

Banco Inter 

O Banco Inter anunciou no dia 25 de março às medidas tomadas para contribuir com as pessoas em meio a crise gerada pelo coronavírus. A primeira delas é que os clientes com cartão de crédito com limite máximo de R$ 4 mil poderão pagar a fatura mais adiante, assim ganhando um tempo de respiro até o pagamento.

Outro benefício anunciado pela empresa é que compras realizadas no e-commerce do próprio banco terão cashback em dobro do que clientes tinham anteriormente. A loja online do Banco Inter conta com mais de  100 parceiros. Para as transações bancárias, o Inter aumentou de 100 para 200 o limite de TEDs e boletos gratuitos para as contas PJ e MEI.

CredPago Aluguel Parcelado

A CredPago, que trabalha no setor imobiliário oferecendo garantia locatícia, anunciou no dia 30 de março um novo serviço temporário para parcelamento do aluguel de inquilinos que estão com dificuldades financeiras devido a crise. A solução será oferecida para três mil contratos, com um orçamento total de R$ 10 milhões que saíram do próprio caixa da empresa. 

O parcelamento pode ser feito em até seis vezes, sendo que em até três vezes não ocorrem juros. Quem optar por parcelar entre quatro e seis parcelas, terá que pagar cerca de 7% do valor total para cobrir custos da taxa de adquirência e o custo financeiro da antecipação.

Bancos Bradesco, Itaú e Santander

Os bancos Itaú, Bradesco e Santander anunciaram no dia 24 de março a doação em conjunto de 5 milhões de testes rápidos para diagnosticar o novo coronavírus. A medida é uma decisão conjunta entre os presidentes dos bancos. Além dos testes, os três maiores bancos privados do Brasil doaram também equipamentos médicos, como tomógrafos e respiradores, que também são utilizados no tratamento do vírus. 

Nubank

O Nubank criou um fundo no valor de R$ 20 milhões para ajudar clientes durante a crise gerada pela pandemia do Covid-19. Os valores serão utilizados para bancar pedidos via entrega, seja de compras em farmácias, supermercados, entre outros. Parte do valor do mesmo fundo será utilizado também para cobrir despesas médicas.

Para poder utilizar o benefício, o cliente precisa entrar em contato com o Nubank e fazer a solicitação explicando os devidos motivos. A fintech irá avaliar a necessidade caso a caso e assim direcionar o cliente para um parceiro da iniciativa conforme apontado. Entre os parceiros dessa iniciativa estão: delivery iFood e Rappi, Hospital Sírio-Libanês, aplicativos de atendimento psicológico como Zenklub e serviço de produtos de petshop Zee.Dog. Além desses parceiros, a fintech segue buscando outras empresas que possam somar ao projeto.

Outras empresas

Dentre outras empresas que se manifestaram com ações com apoio ao combate a pandemia, a Petrobras também anunciou a doação de 600 mil testes para diagnóstico da Covid-19 ao Sistema Único de Saúde (SUS). Desse total, 400 mil serão entregues ao Ministério da Saúde e 200 mil à Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro.

Para ler mais conteúdos como esse e ficar por dentro do mercado imobiliário, te convidamos a se inscrever em nossa newsletter e receber no seu e-mail os novos conteúdos


Compartilhar
Facebook Google Plus Twitter Linkedin
Encontre uma imobiliária
CredPago
Escrito por
CredPago

A Revolução em locação imobiliária.


Mais de 6 mil imobiliárias parceiras
Pin
Encontre uma próxima de você


0800 001 6002

Atendimento digital
47 99936-0198



Parceiros

  • Captei
  • Colibri
  • Endeavour
  • Cartões
  • Rede Vistorias
  • Vistoria Simples
  • Vista
  • Universal
  • Casa Soft

Faça login em sua conta


Esqueci minha senha!